Como Abrir um Site Externo dentro de uma página HTML dicas wordpress

 Apache2, Clusterweb, ClusterWeb, Hospedagem, Leitura Recomendada, Linux, Profissional de TI  Comentários desativados em Como Abrir um Site Externo dentro de uma página HTML dicas wordpress
abr 252018
 

Hoje vou está compartilhando com você como abrir um website externo através da configuração do iframe dentro do HTML do seu site.

Funciona também em WordPress!

Foi através desse código que conseguimos realizar um trabalho de personalização no site de um cliente.

A solicitação do cliente era exibir uma vitrine de vendas de apostilas dentro de uma página do site em WordPress.

Essas informações seriam puxadas através de um site de afiliados e exibida dentro do seu site.

A solução ideal para esta configuração seria criar um link apontando para o site de afiliados ou então utilizando o iframe dentro da página do site.

Foi então, que através do iframe configurado no site, conseguimos exibir a vitrine de afiliados não sendo necessário o visitante sair do site para ir até o site das apostilas.

Tudo isso de uma maneira bem simples e fácil de ser feita.

Continue reading »

PARAVIRTUALIZAÇÃO COM XEN

 Backup, CentOS 7 / RHEL 7, Clusterweb, ClusterWeb, Leitura Recomendada, Linux, XenServer  Comentários desativados em PARAVIRTUALIZAÇÃO COM XEN
abr 242018
 

SOBRE O XEN – INTRODUÇÃO

Neste artigo explicarei de forma bastante objetiva o funcionamento, configuração e operação do Xen e como criar e administrar máquinas virtuais.

Para começar, vamos explicar o que é o Xen para entender o processo de paravirtualização e fazermos uma comparação com o modelo de virtualização total.

“O Xen é um dos mais populares exemplos de paravirtualização. Na virtualização total, o sistema operacional visitante tenta executar tarefas protegidas e, por estarem no espaço de aplicação do sistema operacional hospedeiro, não podem ser executadas. No entanto, o VMM intervém e executa ou simula a execução dessas, o que reduz o desempenho da virtualização total. Já a paravirtualização apresenta-se como uma alternativa a isso, na medida em que o sistema operacional visitante é modificado para não tentar executar diretamente na CPU as tarefas protegidas, mas entregar essas ao VMM. Este tipo de virtualização tem um ganho de desempenho significativo frente à total.

Uma das maiores vantagens do uso do Xen como VMM na paravirtualização é o fato de que este apresenta um desempenho melhor do que os produtos de virtualização total, quando a máquina física hospedeira não tem instruções de hardware de suporte a virtualização. No entanto, há a necessidade de que o sistema visitante seja portado para o Xen, o que não chega a ser uma desvantagem, já que os sistemas operacionais mais comuns no mercado têm versões para o Xen. Alguns dos sistemas suportados pelo Xen são Linux, FreeBSD e Windows XP.

Zimbra 8.7 e 8.8: Implementando certificado assinado com Let’s Encrypt

 Clusterweb, ClusterWeb, Leitura Recomendada, Linux, Profissional de TI, Segurança, Zimbra  Comentários desativados em Zimbra 8.7 e 8.8: Implementando certificado assinado com Let’s Encrypt
abr 102018
 

Olá ! Nesse artigo eu gostaria de compartilhar com vocês as orientações para implementar um certificado válido e gratuito da Let’s Encrypt no Zimbra 8.7 e 8.8.

(Essa implementação é idêntica para a versões Open Source, Suite Plus e Network)

Tenho observado que mesmo com a divulgação dos certificados gratuitos da Let’s Encrypt e a diminuição do custo de certificados assinados no Brasil em geral, muitos administradores Zimbra ainda não implementaram um certificado válido no seu ambiente.

Continue reading »