dez 072018
 

CONFIGURANDO O APACHE2 DO PRIMEIRO SERVIDOR

Vamos começar instalando o apache2 e algumas libs:

 sudo apt-get install apache2 php7.2 libapache2-mod-php7.2
$ sudo apt-get install libapache2-mod-auth-mysql php7.2-mysql
$ sudo apt-get install apache2-prefork-dev

Habilitando os módulos do apache para o redirecionamento e para o proxy pass:

 sudo a2enmod env proxy_ajp proxy_balancer proxy proxy_connect proxy_http rewrite ssl headers

Para desabilitar os mods basta usar:

 sudo a2dismod [nome-dos-módulos]

Agora iremos criar o arquivo na pasta do apache2:

 sudo nano /etc/apache2/sites-available/meuSite

Continue reading »

ago 172018
 

INTRODUÇÃO

 

A rede Tor é o que comumente chamamos de deep web, onde é possível encontrar diversos sites que não são indexados pelo Google e algumas outras ferramentas. A rede Tor é composta por um grupo de servidores voluntários que permite que as pessoas naveguem com privacidade e segurança.

Quando um usuário usa o navegador Tor, são realizadas diversas conexões com túneis virtuais até a destino original ser alcançado. Isso permite que você navegue em redes públicas sem comprometer a sua privacidade na rede. Na rede Tor é possível que você publique seu site sem precisar revelar sua atual localização. A principal ideia do Tor Project é ajudar as pessoas em países onde existe censura e monitoramento da internet, possibilitando assim que você se conecte de forma anônima.
Continue reading »

jun 222018
 

INTRODUÇÃO

Pretendo abordar nesse tutorial a migração das máquinas virtuais do Citrix XenServer para o ProxMox. Por mais que a versão 6.2 do Citrix XenServer tenha se tornado 100% opensource, nunca fiquei 100% satisfeito com o XenCenter (ferramenta de gerenciamento do Citrix XenServer) ser disponibilizado apenas para Windows. Com isso,  fui obrigado a ter uma máquina virtual com Windows apenas para gerenciar os servidores Citrix Xen. Assim, surgiu o interesse em migrar para o KVM (Kernel-based Virtual Machine) que possui várias ferramentas de gerenciamento. Por considerar mais prática e intuitiva, a escolha feita foi pelo ProxMox VE.

 

EXPORTANDO A VM DO XENSERVER

É inegável que  XenCenter seja muito intuitivo. Mas na maioria das vezes, o procedimento de exportação de VM (Menu: VM>Export) não funciona corretamente:
citrix-export-error

Continue reading »

jun 192018
 

ESTRUTURA DA TABELA E INSERÇÃO DE REGISTROS

O intuito deste artigo é compartilhar um pouco da minha experiência com migração de arquivos BLOB em um banco de dados Oracle para sistema de arquivos utilizando Python.

Antes de efetivamente partirmos para o código de migração, vamos ver os dados de acesso e como será a estrutura da tabela.

Utilizo os seguintes dados de acesso para o esquema no Oracle:

  • user: desv
  • pass: 123456
  • service name: xe
  • IP do host onde está o SGBD do Oracle: 192.168.1.131

Vamos utilizar a estrutura da tabela a seguir:

CREATE TABLE TB_ARQUIVO (
	COD_ARQUIVO           NUMBER PRIMARY KEY,
	DTHINCLUSAO           DATE NOT NULL,
	ARQUIVO               BLOB,
	DS_ARQUIVO            VARCHAR2(50 BYTE),
	DS_PATH_ARQUIVO       VARCHAR2(255 BYTE)
);

Continue reading »

Migração de Samba para Active Directory

 Clusterweb, ClusterWeb, Desktop, Leitura Recomendada, Redes, Segurança, Windows  Comentários desativados em Migração de Samba para Active Directory
maio 312018
 

Conseguimos provar em Laboratório que é possível realizar uma migração de um diretório baseado em Linux (Samba) para Active Directory, sem desenvolver nenhum tipo de script para importar as informações de um ambiente para o outro. E melhor, sem gerar impactos para o usuário!

 

Utilizando a ferramenta ADMT 3.0 conseguimos migrar todos os objetos para o Active Directory, baseado em Windows Server 2003.

 

Nota: Não conseguimos sucesso na utilização da versão 3.1 da ferramenta ADMT para migrar os objetos do Samba para um Active Directory baseado em Windows Server 2008. Portanto, crie um AD baseado na versão Windows 2003 e use o ADMT 3.0. Após a finalização da migração e término da convivência dos ambientes Samba e AD, atualize o AD para a versão 2008.

 

Considerações importantes para uma migração aonde o domínio de origem é um Samba emulando um PDC NT:

 

Continue reading »

Icann faz alerta para ISPs se prepararem para troca de chaves criptográficas

 Clusterweb, ClusterWeb, Dns, Leitura Recomendada, Profissional de TI, Redes, Segurança  Comentários desativados em Icann faz alerta para ISPs se prepararem para troca de chaves criptográficas
set 132017
 

Os provedores de serviços de Internet (ISPs) e os operadores de redes do mundo inteiro precisam se certificar de que estão preparados para a alteração das chaves criptografadas que mantêm seguro o Sistema de Nomes de Domínio da Internet (DNS), pois, do contrário, seus usuários não poderão buscar e encontrar nomes de domínio e, consequentemente, estarão impedidos de consultar qualquer site na Internet. O alerta vem de David Conrad, CTO da Icann.

Continue reading »

LIVRENFE – O EMISSOR NFE OPEN SOURCE PARA LINUX

 Apache2, Clusterweb, ClusterWeb, Debian, Linux, Profissional de TI, Programação, Redes, Segurança, Ubuntu  Comentários desativados em LIVRENFE – O EMISSOR NFE OPEN SOURCE PARA LINUX
jun 282017
 

INSTALAÇÃO

 

Em 2016, o SEFAZ anunciou que o emissor de Nfe gratuito seria descontinuado. Isto me motivou a procurar algumas soluções open source para Linux de emissor de NFe, porém, não encontrei nenhum projeto que me atenda, só bibliotecas ou emissores para Windows.

Decidi começar um projeto do zero, um emissor de NFe para Linux como principal S.O. Já estou terminando os últimos detalhes para poder fazer o primeiro release beta e pensei em apresentá-lo neste site. Embora o SEFAZ já anunciou que o emissor gratuito deles não será mais descontinuado, talvez alguns de vocês estejam procurando outra alternativa para emitir Nfe usando ferramentas de código aberto.

O código está no GitHub. Abaixo, estão os passos para instalar o emissor no Debian 8.
Continue reading »

Dicas para evitar um ciberataque

 Clusterweb, ClusterWeb, Firewall, Leitura Recomendada, Linux, Profissional de TI, Redes, Segurança  Comentários desativados em Dicas para evitar um ciberataque
maio 242017
 

Tomar alguns cuidados ao usar computadores e celulares é essencial para evitar ser vítima de um ciberataque. Para ajudar os usuários, o G1 reuniu algumas dicas, que compartilhamos abaixo:

1 – Atualize o Windows

A receita principal é usar sempre a versão mais atual do seu sistema operacional. Tradução para a maioria dos usuários: não ignore os avisos de atualização do Windows.

Seu computador estará mais vulnerável caso você ainda não tenha aplicado a atualização do Windows lançada em março. Isso inclui qualquer computador com Windows XP, já que essa versão do Windows não recebe mais atualizações. O Windows 8 também não recebe atualizações e exige uma atualização gratuita para o Windows 8.1.

Continue reading »

maio 242017
 

Veja como migrar uma máquina virtual KVM QEMU para XEN

No servidor QEMU crie a imagem da máquina virtual

# dd if=/caminho/servidor of=/caminho/servidor.img

No mesmo servidor, crie o arquivo VHD.

# qemu-img convert -O vpc /caminho/servidor.img /caminho/servidor.vhd

Agora é só importar para o XEN e pronto!

COMO REALIZAR MIGRAÇÃO DE WINDOWS PARA LINUX EM UMA EMPRESA

 Backup, Clusterweb, ClusterWeb, Debian, Desktop, Leitura Recomendada, Linux, Redes, Segurança, Sistemas de Armazenamento, Windows  Comentários desativados em COMO REALIZAR MIGRAÇÃO DE WINDOWS PARA LINUX EM UMA EMPRESA
abr 032017
 

FAZENDO A MIGRAÇÃO DO SISTEMA PROPRIETÁRIO PARA O LINUX

 

PLATAFORMA DO SOFTWARE PROPRIETÁRIO (WINDOWS)

O parque de máquinas da empresa usa o sistema operacional Windows, porém, grande parte do parque de máquinas não possui licenças do sistema, foi detectada a necessidade de adotar um sistema operacional livre para gerar economia para a empresa na compra de licenças e, também, trazer mais segurança para a rede de computadores da empresa, pois a maioria dos softwares maliciosos, conhecidos como vírus, foram desenvolvidos para os sistemas operacionais proprietários.

 

DISTRIBUIÇÃO LINUX UTILIZADA

A distribuição escolhida para implantação foi o Debian 8, codinome Jessie, com a interface gráfica LXDE. A distribuição Debian é conhecida mundialmente por sua estabilidade, cada pacote do sistema passa por diversos testes. Após 2 anos de testes, é lançada uma nova versão do sistema operacional estável para download. A distribuição Debian tem um ótimo suporte, pois possui uma comunidade de usuários e mantenedores grande.
Continue reading »

AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO PARA ANDROID

 Android, Banco de Dados, Clusterweb, ClusterWeb, Debian, Leitura Recomendada, Linux  Comentários desativados em AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO PARA ANDROID
fev 222017
 

INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO

 

Vamos começar removendo qualquer outra versão do Java para iniciar uma instalação limpa:

sudo apt-get purge java* openjdk*

Agora, baixe a versão mais atual do JDK aqui:

Depois extraia o arquivo baixado com o comando:

tar xzf jdk-8u111-linux-x64.tar.gz

Agora, remova o arquivo compactado e mova a pasta obtida para o diretório /opt:

rm jdk-8u111-linux-x64.tar.gz && sudo mv jdk1.8.0_111 /opt
Continue reading »